Macaé: empresa ganha contrato de R$ 1 milhão da Mobilidade Urbana, mas emplaca veículos no Espírito Santo

Por um lado, evasão de divisas; por outro, quebra de contrato com a Prefeitura de Macaé. Essa é a realidade da situação da empresa EJI Fiel Turismo contratada por quase R$ 1.100 milhão pela Secretaria de Mobilidade Urbana para locação de veículos ao município.

Contudo, a empresa – que está contratualmente obrigada a emplacar os veículos que aluga para a Secretaria de Mobilidade Urbana em Macaé, uma vez que parte do IPVA fica para a Prefeitura – infringiu a cláusula e fez o licenciamento em Vitória, no Espírito Santo.

Neste caso, além da quebra do que está previsto em contrato, configura uma suposta evasão de divisas, já que a empresa escolheu a capital capixaba para pagar um imposto menor que o praticado no Estado do Rio.

Em outras palavras, a Fiel Turismo recebe uma polpuda verba pública de Macaé, desrespeita o contrato e beneficia com o pagamento do IPVA o Estado do Espírito Santo e a Prefeitura de Vitória.

Primeiro Click

Portal de Notícias que desde 2014 informa e forma opinião no interior do Estado do Rio.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.